Sempre – J. M. Darhower

Sempre trata de um assunto muito, muito sério, mas que não é falado muito. Na verdade é o primeiro livro que vejo tratar da temática. E faz isso de uma maneira completamente acessível para diversos tipos de leitores, sendo provavelmente sua característica mais positiva.

A trama conta a hist´ria de Haven, uma garota de 17 anos que nunca foi livre. Sim, desde criança ela e sua mãe são escravas e sofrem nas mãos do seu dono. Você pode pensar que tudo se passa séculos atrás, mas toda a história é na contemporaneidade. A vida da jovem vai de mal a pior até que um dia ela é vendida para o Dr. DeMarco, um homem frio, mas que a trata bem melhor que seu antigo dono, que era violento.
É na casa de DeMarco que ela conhece Carmine, o filho mais jovem e rebelde do médico. De maneira surpreendente os dois acabam se afeiçoando e uma história de amor cresce entre eles.
Vejo diversos problemas no relacionamento entre Haven e Carmine. Não acho prfeito e, em alguns momentos tudo é bastante abusivo, mas entendo que cada um crescendo das maneiras que cresceram, seria impossível não existir abusos entre eles. Ambos não sabem de verdade como as coisas podem funcionar no mundo real, já que nehuma cresceu no mundo real. Suas vidas são cheias de abuso e violência e a autora quis mostrar isso em cada parte da trajetória dos personagens. Eles se encontraram para que um pudesse ajudar o outro a sair do círculo vicioso de dor.
É um livro bem grande, são muitas páginas. Apesar de algumas repetições que considero um pouco desnecessárias, a história é viciante e a narrativa da autora muito boa.
Os protagonistas são bem construídos e os coadjuvantes também, nenhum sendo desperdiçado, o que é bastante positivo.
E como disse no início, achei incrível que o tema da escravidão nos dias de hoje foi tratado, e com muita delicadeza e bom senso.

 

O livro tem continuação e, depois do final que teve, era necessário que a autora contasse o que vem depois na vida dos jovens protagonistas e das pessoas que os cercam.
No Brasil o livro foi lançado com o mesmo título original pela Universo dos Livros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *