No Mundo da Lua (2015) – Enrique Gato

Volta e meia vejo alguém comentando sobre a viagem do homem até a lua. Uns afirmam categoricamente que em 1969 uma bandeira dos EUA foi colocada em solo lunar; alguns enxergam o fato com certo ceticismo. A dúvida de alguns é tanta que isso até deu origem a um mockumentary (documentário falso) que diz que o Stanley Kubrick – sim, o mesmo que fez 2001 – Uma Odisseia no Espaço -, em uma fase sem dinheiro acabou encenando para a NASA o ocorrido.
No Mundo da Lua, uma animação espanhola lançada em seu país de origem em 2015, mas que chega agora às telas brasileiras, resolve usar a viagem espacial até o satélite da Terra e as teorias de conspiração em torno do acontecimento para criar seu argumento. Em um momento específico do filme temos até uma reencenação de uma cena do documentário que diz que o Kubrick que dirigiu a farsa.
Só que o desenho, apesar de fazer uma citação ao acontecido, não foca nele. O personagem central é um garoto de 12 anos, o Mike. Ele é filho e neto de astronautas. Só que seu pai e seu avo mantém uma enorme distancia e o garoto deseja que isso mude. E quando um grande vilão decide dizer que nenhum homem nunca pisou na lua e que ele será o primeiro a fazer isso, a oportunidade de juntar os dois Goldwings mais velhos finalmente aparece.
Este é um filme feito para crianças, apesar de algumas poucas piadas que funcionam para os adultos. Para expectadores mais velhos e mais exigentes o longa talvez não funcione, por conta do roteiro simples e com resoluções esperadas e personagens sem grande complexidade psicológica, com atitudes muitas vezes bastante maniqueístas. Só que para o público alvo, ou seja, as crianças pequenas, provavelmente a trama de Mike soe engraçada, agradável e funcione bem.
Com piadas e ações previsíveis, o filme não traz nada de muito especial, mas é bonitinho visualmente e tem um tema interessante e que poderia ser melhor explorado. O 3D é bem leve, mas funciona. Para quem for aos cinemas vale a pena esperar para assistir a uma cena após os créditos. 

2 thoughts on “No Mundo da Lua (2015) – Enrique Gato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *